Sobre Disciplina Positiva.

IMG_4099.JPG

Tenho recebido muitos emails de mães e pais me perguntando se a Disciplina Positiva funciona mesmo. E antes de responder eu sempre respiro fundo e tento observar o que tem por trás daquela pergunta. Estamos vivendo uma era onde a busca pelas curas está sendo comercializada em caixas, numa esquina próxima a você. Estamos, todos nós, buscando algo que nos falta, seja no trabalho, nas relações, no amor, no corpo. Procuramos alguma coisa ou alguém que nos indique o caminho da luz, a solução para os problemas, a estrada para uma vida feliz. Queremos dicas rápidas para ter paz e equilíbrio, mas diante da complexidade do que sentimos, desviamos o olhar para algo que seja menos profundo.

Sob essa perspectiva, daqueles que buscam algo que lhes falta para serem bons pais e boas mães, a Disciplina Positiva não é a resposta, não é o caminho e não vai funcionar. Mas se você acredita em trabalho duro, em respeito, em diálogo, pode ser que a Disciplina Positiva seja, sim, uma boa opção. Se você acredita que as respostas estão em você e não no seu filho, segura na mão e vamos juntos. Mas não acredite em fórmulas mágicas para nada. Não escolha o caminho mais simples.

Crianças precisam do nosso equilibrio emocional, do nosso amor incondicional. Precisam ser ouvidas e se sentirem importantes numa engrenagem familiar, seja ela qual for. Precisam ser ensinadas e ensinar é foda de difícil.

A Disciplina Positiva tem mais de 50 ferramentas que podem ajudar na construção dessa relação que é pautada em firmeza e gentileza, mas não adianta nada saber decorado as frases sugeridas pelo livro da Jane Nelsen, se você não tem a intenção de se tranformar para transformar essa relação. É sobre isso que tenho falado nos meus encontros. Sobre a criança que fomos, as escolhas que foram feitas por nós e como isso afeta os pais e as mães que somos. Não tem cura, tem cuidado.

A turma de Brasília está com as vagas esgotadas.

As duas turmas de São Paulo estão com as vagas esgotadas.

Em breve tem agenda com novas turmas.

E eu tô bem feliz com tanta gente querendo ouvir e ser ouvido sobre esse assunto. <3 #disciplinapositivanapratica