Lição 3

L1005815 (1).jpg

A terceira lição aprendida nesse caminhar foi: O QUE FALAMOS IMPORTA TANTO QUANTO O QUE FAZEMOS. A palavra tem poder. A palavra se empregna em nossa corrente sanguínea e nos acompanha a vida inteira. A palavra constrói nossas crenças, nossa maneira de encarar o espelho e vai nos moldando profundamente. É preciso pensar nisso quando gritamos, quando repetimos frases que nos foram ditas, quando despejamos nossas frustrações e angústias nos nossos filhos.

O trabalho da Dra. Jane Nelsen, pensadora da Disciplina Positiva é baseado nos estudos do psicanalista Aldred Adler e ele diz que toda criança precisa se sentir aceita, amada e importante. Mas a verdade é que essa busca é inerente ao ser humano. Mas quando uma criança tem a oportunidade de crescer em um ambiente em que ela sente que ela é amada, aceita e importante, mesmo quando ela erra, mesmo quando ela explode, mesmo quando ela não atende as expectativas dos pais, ela tem a possibilidade d echegar na vida adulta mais inteira emocionalmente.

Você quer criar crianças seguras e com uma boa auto estima? Deixe claro que você está disposto a olhar para ela verdadeiramente e que diante de um erro, vocês vão juntos criar oportunidades de se refazer, reconstruir, se desculpar. Deixe claro que com a chegada do irmão, ela ainda continua sendo muito importante na dinâmica familar. Deixe claro que você caminha lado a lado com ela, que também erra. Se humanize diante de seu filho e cuide do que é dito entre vocês. #parentalidadepositiva #equilibrioparental #dialogosfamilares